Follow by Email

Páginas

sábado, 24 de dezembro de 2011

Vai começar a festa...


O CONVITE É ESPECIALMENTE PARA VOCÊ:
PREPARE-SE, A FESTA VAI COMEÇAR!!!!!

FESTA DO NATAL DE CRISTO JESUS

"DÊ UM LUGARZINHO PRA JESUS,
SÓ UM LUGARZINHO PRA JESUS.
DÊ UM LUGARZINHO PRA JESUS,
SÓ UM LUGARZINHO PRA JESUS".



       Querido jovem, visitante do Blog Jovem em Ação.
logo mais iniciaremos a Festa do Nasccimento de Jesus, ou seja, do Deus Menino que se fez homem para salvar a sua vida. Lógicamente que Ele nasceu há mais de dois mil anos atrás, mas todo ano, a cada dia, Jesus deseja nascer no seu coração. 
       Por favor, deixe Ele nascer. Cristo não quer nascer na riqueza e não quer tudo do bom e do melhor, pois mais uma vez, Ele deseja nascer na simplicidade e na humildade. Acolha de coração aberto, o Menino Deus que está para nascer... 
       Tenha toda a certeza que Jesus vai curar todas as suas feridas, vai enxugar suas lágrimas e caminhar junto de ti, para que você não tropece mais nos obstáculos da vida. Tenha um santo e abençoado Natal e que Cristo Jesus possa renascer em seu coração e no seio de sua família.

"HOJE NASCEU O MENINO. O DEUS SALVADOR!!!"


Não se esqueça do mais importante...




Guirlanda:
Feita com ramos verdes de pinheiro, a guirlanda tem a finalidade lembrar a caminhada rumo ao Natal. Ao ver uma pendurada na porta  de uma casa, indica a presença do Menino Jesus naquele lar.





Meias natalinas:
A tradição de pendurar as meias envolve São Nicolau, o Santo no qual foi inspirado a figura do Papai Noel. Na época, a mulher precisava ter um dote para se casar. Ao saber da situação de algumas moças, São Nicolau jogou sacos com moedas de ouro pela chaminé da casa de uma família. Os sacos caíram dentro das meias que estavam pendurados na lareira para secar. Depois disso, virou tradição pendurar as meias para o Papai Noel, durante a noite, distribuir os presentes.



Panetone:
O panetone, nada mais é do que um bolo recheado de frutas secas. Pois, é uma tradição do Natal italiano, sendo criado na cidade de Milão. Uma das versões é que o panetone foi criado no ano 900, por um padeiro chamado Tone. Por isso, o bolo ficou conhecido como Pane-di-Tone, em português, Pão do Tone.



Papai Noel:
A figura do Papai Noel é inspirada em São Nicolau, como já foi falado nos tópicos acima, ele jogava sacos com moedas de ouro pelas chaminés das casas das pessoas mais humildes. Os presentes de natal jogados pela janela,,caíam dentro de meias que estava penduradas na lareira para secar. São Nicolau era bispo da Igreja que estava sempre pronto em ajudar aos mais necessitados. A cor vermelha foi inventada por uma empresa de refrigerante.
 

Presentes:
A troca de presentes no Natal está relacionada aos três reis magos que levaram presentes ao Menino Jesus. A troca de presentes entre os amigos e familiares é uma maneira de lembrar do grande presente que Deus se fez em Cristo Jesus, para nós. Os presentes permitem que nós abramos os nossos corações aos semelhantes.


Sinos:
O soar dos sinos de Natal trazem a mensagem do nascimento de Jesus, e nessa horas os sinos chegam ao explendor máximo. O repique e o toque dos sinos mexem com o ser humano. Quando pendurados em torres, os sinos chamam a atenção de todos, pois está entre o céu e a terra e, portanto, é o ponto de comunicação entre ambos.



  
Presépio:
O costume de montar presépios surgiu com São Francisco de Assis, que pediu a um homem chamado Giovanni Villita que criasse o primeiro presépio para visualizar, sensibilizar, facilitar a meditação da mensagem evangélica, do mistério de Jesus Cristo que nasceu na pobreza, na simplicidade e na humildade.        

Dê os parabéns para o aniversariante

25 DE DEZEMBRO:
NATAL DE JESUS CRISTO


O Rei inigualável

Liturgia diária:
“Não tenhais medo! Eu vos anuncio uma grande alegria, que o será para todo o povo: 
Hoje, na cidade de Davi, nasceu para vós um Salvador, que é o Cristo Senhor". 


Sábado, 24 de dezembro de 2011
Missa da Vigília do Natal de Nosso Senhor Jesus Cristo
Cor Roxa

> Primeira leitura: Isaías 9, 1-6
> Responsório: Salmos 95
> Segunda leitura: Tito 2, 11-14
> Evangelho: Lucas 2, 1-14

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

        1Aconteceu que, naqueles dias, César Augusto publicou um decreto, ordenando o recenseamento de toda a terra.
        2Esse primeiro recenseamento foi feito quando Quirino era governador da Síria.
        3Todos iam registrar-se cada um na sua cidade natal.
        4Por ser da família e descendência de Davi, José subiu da cidade de Nazaré, na Galileia, até a cidade de Davi, chamada Belém, na Judeia, 5para registrar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida.
        6Enquanto estavam em Belém, completaram-se os dias para o parto, 7e Maria deu à luz o seu filho primogênito. Ela o enfaixou e o colocou na manjedoura, pois não havia lugar para eles na hospedaria.
        8Naquela região havia pastores que passavam a noite nos campos, tomando conta do seu rebanho.
        9Um anjo do Senhor apareceu aos pastores, a glória do Senhor os envolveu em luz, e eles ficaram com muito medo. 10O anjo, porém, disse aos pastores: “Não tenhais medo! Eu vos anuncio uma grande alegria, que o será para todo o povo: 11Hoje, na cidade de Davi, nasceu para vós um Salvador, que é o Cristo Senhor. 12Isto vos servirá de sinal: Encontrareis um recém-nascido envolvido em faixas e deitado numa manjedoura”.
        13E, de repente, juntou-se ao anjo uma multidão da coorte celeste. Cantavam louvores a Deus, dizendo: 14“Glória a Deus no mais alto dos céus, e paz na terra aos homens por ele amados”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Deus pode mudar sua vida

Liturgia diária


Sexta-feira, dia 23 de dezembro de 2011
4ª Semana do Advento
Memória de São João Câncio
Cor Roxa

> Primeira leitura: Ml 3, 1-4.23-24
> Responsório: Sl 24
> Evangelho: Lc 1, 57-66


— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

        57Completou-se o tempo da gravidez de Isabel, e ela deu à luz um filho. 58Os vizinhos e parentes ouviram dizer como o Senhor tinha sido misericordioso para com Isabel, e alegraram-se com ela. 59No oitavo dia foram circuncidar o menino, e queriam dar-lhe o nome de seu pai, Zacarias. 60A mãe porém disse: “Não! Ele vai chamar-se João”.
        61Os outros disseram: “Não existe nenhum parente teu com esse nome!” 62Então fizeram sinais ao pai, perguntando como ele queria que o menino se chamasse.
        63Zacarias pediu uma tabuinha, e escreveu: “João é o seu nome”. 64No mesmo instante, a boca de Zacarias se abriu, sua língua se soltou, e ele começou a louvar a Deus. 65Todos os vizinhos ficaram com medo, e a notícia espalhou-se por toda a região montanhosa da Judeia. 66E todos os que ouviam a notícia, ficavam pensando: “O que virá a ser este menino?” De fato, a mão do Senhor estava com ele.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

Você conhece???

Santo do dia:
São João Câncio


       João nasceu em Kety, na diocese de Cracóvia, Polônia, em 1390; estudou na Cracóvia e foi ordenado sacerdote. Durante muitos anos foi professor da Universidade de Cracóvia; depois foi pároco de Ilkus. À fé que ensinava uniu grandes virtudes, sobretudo a piedade e a caridade para com o próximo, tornando-se um modelo insigne para seus colegas e discípulos.
        Enquanto nas regiões vizinhas pululavam as heresias e os cismas, o bem-aventurado João ensinava na Universidade de Cracóvia a doutrina haurida da mais pura fonte, e explicava ao povo com muito empenho, em seus sermões, o caminho da santidade, confirmando a pregação com o exemplo da sua humildade, castidade, misericórdia, penitência e todas as outras virtudes próprias de um santo sacerdote e de um zeloso ministro do Senhor. Ao longo do dia, uma vez cumprido o seu dever de ensinar, dirigia-se diretamente à igreja, onde durante muito tempo se entregava à oração e à contemplação diante de Cristo na Eucaristia.
        Tanto nas pequenas como nas grandes adversidades, João teve sempre em mente algo de bem superior ao prestígio, à carreira e ao bem-estar materiais: "Mais para o alto!" repetia sempre. Em todas as circunstâncias, só tinha Deus no seu coração, só tinha Deus na sua boca.
        Morreu em Cracóvia, com a idade de oitenta e três anos, no ano de 1473.

Preparando-se para a Festa

Grandiosa festa


Natal
Ser bom no Natal faz bem;
Ser bom sempre
É o maior bem do Natal.
Quero-te a paz de estar bem,
Quero-te a paz de fazer o bem,
E quero-te a paz de amar!
Mesmo sem receberes nada
O teu natal pode ser o melhor.
Antes mesmo de ser mãe de Cristo
Maria foi toda de Deus pelo amor!
Para todos os homens o natal é
“Deus conosco”
Para o Cristão o natal é
“Deus em nós”!
O amor do natal não é para ser
Entendido.
É para ser vivido!
Deus veio a terra como homem
Para que o homem possa ir aos outros
com Deus!
 
Autor: Padre Orlando Gambi

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Serva submissa ao Pai

Liturgia diária:


Quinta-feira, dia 08 de dezembro
2ª Semana do Advento
Solenidade  da Imaculada Conceição
Cor Branca

> Primeira leitura: Gênesis 3, 9-15.20
> Responsório: Salmos 97(98)
> Segunda leitura: Efésios 1, 3-6
> Evangelho: Lucas 1, 26-38

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor!

        Naquele tempo, 26o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, 27a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da Virgem era Maria.
        28O anjo entrou onde ela estava e disse: “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!”
        29Maria ficou perturbada com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação.
        30O anjo, então, disse-lhe: “Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. 31Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus. 32Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi. 33Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim”.
        34Maria perguntou ao anjo: “Como acontecerá isso, se eu não conheço homem algum?”
        35O anjo respondeu: “O Espírito virá sobre ti, e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra. Por isso, o menino que vai nascer será chamado Santo, Filho de Deus. 36Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril, 37porque para Deus nada é impossível”.
        38Maria, então, disse: “Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!”
        E o anjo retirou-se.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

Grandiosa festaaaaa!!!!!

Santa do dia:
Nossa Senhora da Imaculada Conceição


       Mais do que memória ou festa de um dos santos de Deus, neste dia estamos solenemente comemorando a Imaculada Conceição de Nossa Senhora, a Rainha de todos os santos.
        Esta verdade, reconhecida pela Igreja de Cristo, é muito antiga. Muitos padres e doutores da Igreja oriental, ao exaltarem a grandeza de Maria, Mãe de Deus, usavam expressões como: cheia de graça, lírio da inocência, mais pura que os anjos.
        A Igreja ocidental, que sempre muito amou a Santíssima Virgem, tinha uma certa dificuldade para a aceitação do mistério da Imaculada Conceição. Em 1304, o Papa Bento XI reuniu na Universidade de Paris uma assembleia dos doutores mais eminentes em Teologia, para terminar as questões de escola sobre a Imaculada Conceição da Virgem. Foi o franciscano João Duns Escoto quem solucionou a dificuldade ao mostrar que era sumamente conveniente que Deus preservasse Maria do pecado original, pois a Santíssima Virgem era destinada a ser mãe do seu Filho. Isso é possível para a Onipotência de Deus, portanto, o Senhor, de fato, a preservou, antecipando-lhe os frutos da redenção de Cristo.
        Rapidamente a doutrina da Imaculada Conceição de Maria, no seio de sua mãe Sant'Ana, foi introduzido no calendário romano. A própria Virgem Maria apareceu em 1830 a Santa Catarina Labouré pedindo que se cunhasse uma medalha com a oração: "Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós".
        No dia 8 de dezembro de 1854, através da bula Ineffabilis Deus do Papa Pio IX, a Igreja oficialmente reconheceu e declarou solenemente como dogma: "Maria isenta do pecado original".
        A própria Virgem Maria, na sua aparição em Lourdes, em 1858, confirmou a definição dogmática e a fé do povo dizendo para Santa Bernadette e para todos nós: "Eu Sou a Imaculada Conceição".

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Tempo de esperar...


       Amados jovens amigos,
estamos no Tempo do Advento, tempo este que a Igreja Católica comemora para a chegada do Natal. Advento é tempo de esperar, ou seja, esperar a vinda do Menino Deus que está logo para nascer na noite de Natal. Por isso, se você está de mal com alguém, ou se você brigou com alguém da sua família ou com outra pessoa, não perca tempo... Peça perdão. Mesmo que não foi você que errou, mas peça perdão. E se alguém vir te perdir perdão, perdoe do fundo do seu coração.
       Estamos a poucos dias de celebrarmos a grandiosa Festa de Natal, e para isso, Jesus deseja nascer no coração de cada um de vocês, em suas vidas e nas suas casas e família... Tente ser diferente neste Natal, pois Deus age nas pessoas mais humildes e sinceras...

Abra os seus olhos para Jesus

Liturgia diária:


Quinta-feira, dia 01 de dezembro
1ª Semana do Advento
Cor Roxa

> Primeira leitura: Is 26, 1-6
> Responsório: Sl 117
> Evangelho: Mt 7, 21.24-27

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

        Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 21“Nem todo aquele que me diz: ‘Senhor, Senhor’, entrará no Reino dos Céus, mas o que põe em prática a vontade de meu Pai que está nos céus. 24Portanto, quem ouve estas minhas palavras e as põe em prática, é como um homem prudente, que construiu sua casa sobre a rocha. 25Caiu a chuva, vieram as enchentes, os ventos deram contra a casa, mas a casa não caiu, porque estava construída sobre a rocha.
        26Por outro lado, quem ouve estas minhas palavras e não as põe em prática, é como um homem sem juízo, que construiu sua casa sobre a areia. 27Caiu a chuva, vieram as enchentes, os ventos sopraram e deram contra a casa, e a casa caiu, e sua ruína foi completa!”

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.